Grades de Cristal: Mais Harmonia para a Vida

Esta ferramenta terapêutica alia o poder de cura dos cristais e das pedras à Geometria Sagrada para equilibrar ambientes, pessoas e relações. Saiba como montar a sua
9 minutos de leitura

Se um cristal ou uma pedra irradiam por si só energias de cura, imagine quando são agrupados com intenção e propósito claros, dentro de uma forma que respeita a Geometria Sagrada. Pois essa ferramenta terapêutica, usada para harmonizar ambientes, pessoas e relações, se chama Grades de Cristal. 

“A forma (geometria) e o conteúdo (cristais) trabalham juntos e ativam padrões, qualidades e energias em sua composição. Os propósitos de uma grade podem ser variados. Desde que haja uma intenção a ser manifestada, as possibilidades são infinitas”, explica a terapeuta e comunicóloga Bianca Amadeu, criadora de um curso online sobre a técnica. 

Onde estão as grades de cristal

Elas podem ser construídas em altares, mesas, na terra, em tabuleiros específicos. Onde estiverem estabilizam e purificam as energias, irradiando qualidades de abundância, proteção, amor, cura, perdão, paz… Não é apenas um trabalho intuitivo – embora a intuição seja determinante. Tudo é pensado e conectado dentro de um gradeamento, desde o formato da pedra central, passando pela escolha dos cristais direcionadores de energias, até se chegar à programação da intenção.

“Toda Grade de Cristal recebe uma programação de suas intenções, ou seja, um direcionamento que fica impresso na pedra central e define como aquela grade atuará para cada pessoa e sua questão”, detalha Bianca. Segundo ela, as composições podem atuar por horas, dias, meses ou anos, sempre de acordo com a intenção e vibração com que foram criadas.

Grade de cristal e foto: Bianca Amadeu
Grade de cristal e foto: Bianca Amadeu

A Geometria Sagrada está na base das Grades de Cristal

Há controvérsias quanto à origem da técnica. Alguns alegam que as Grades de Cristal vêm de tempos antigos; outros, que elas surgiram nos anos 1980. Bianca se alinha à primeira hipótese, já que existem evidências do uso de pedras e cristais dentro de formatos geométricos em diversas culturas e eras.

O formato geométrico das grades também pode ser visto em toda a natureza: nos desenhos perfeitos nas asas de uma borboleta, no formato das conchas, em um favo de mel e até mesmo em uma maçã cortada na horizontal, na qual se vê um pentagrama. “Assim, podemos concluir que o estudo da Geometria Sagrada é essencial para compreender o funcionamento desta ferramenta”, ela se posiciona.

Maneiras práticas de ativar as Grades de Cristal

Como toda imagem que dialoga com o nosso psiquismo e nos afeta em múltiplas camadas, as Grades de Cristal podem ser usadas até no fundo de tela do celular. Desse contato visual já se extrai algum benefício.

A maneira mais aconselhada de se conectar com as vibrações delas emanadas é visualizar a composição e meditar a partir dessa âncora. No entanto, as formas de interação vão depender muito do tipo de grade, se fixa ou móvel.

As Grades de Cristal fixas são criadas com intenções de longo prazo. Neste tipo de gradeamento os cristais podem ser colados e emoldurados ou até mesmo costurados em tecido. “Elas são eternizadas, logo a intenção programada no dispositivo deve ser escolhida com atenção, pois vibrará por tempo indeterminado”, ressalta Bianca.

Grades de cristal fixas

Cada detalhe tem uma razão de ser, sobretudo o local onde o arranjo será colocado.  As grades fixas que vão em moldura precisam estar posicionadas em lugares-chave dentro de um ambiente, pois isso a ajuda a trabalhar com mais eficácia na intenção e programação que recebeu.

Se uma grade foi feita para harmonizar uma família, a comunicação e a convivência, por exemplo, ela precisa estar posicionada em um local onde os membros da casa passem em frente. A especialista explica o porquê. “Sua vibração também se expande para os lados, mas é esférica e projetada para a frente. Sendo assim, atua com perfeição quando estamos de frente para elas”.

A grade personalizada pode estar em salas, quartos de dormir, escritórios, mesa de trabalho, comércios, banheiro, cozinha, ou seja, em qualquer lugar onde ela processe a intenção de forma mais precisa. Os modelos fixos podem permanecer com a mesma pessoa ou no mesmo ambiente por muito tempo, mas também podem ser herdados, doados ou exercerem suas funções com outra pessoa em outro espaço.

Grades de cristal móveis

Já as Grades de Cristal móveis possuem intenções de curto e médio prazos. Neste gradeamento os cristais são apenas dispostos em tabuleiro ou mesa para trabalharem na manifestação de um objetivo específico. Por exemplo, conseguir um trabalho, largar um vício, irradiar cura para alguém doente etc. Quando seu propósito se realiza, a grade é desmontada.

“As grades móveis podem ser feitas por cima do corpo, na superfície de uma mesa, sobre um mapa, enterradas no chão, sob a pedra de uma cachoeira ou sobre uma fotografia, por exemplo”, lista Bianca.

Como cuidar da sua grade de cristal

Uma vez pronta, a grade atuará pelo período programado. No entanto, com o passar do tempo, ela pode perder um pouco o brilho, algumas pedras podem se movimentar e até o formato ser transformado.  Tanto em  grades móveis quanto fixas.

Grades móveis – Sempre que sentir que sua grade está perdendo vigor (sim, isso pode acontecer!), tente entender do que ela precisa para trabalhar com mais eficácia. Você pode utilizar sprays de limpeza, velas aromáticas e sons sagrados (sino tibetano). Talvez precise trocar cristais de lugar ou substituí-los, o importante é fazer a manutenção de sua grade sempre que sua intuição lhe recomendar. Tenha atenção especial em gradeamentos que atuarão por meses ou muitos dias.

Grades fixas – Você pode limpar a energia da sua grade com incensos e com visualização. A chama violeta é o grande detergente universal, visualize-a envolvendo sua grade e peça para que os cristais sejam limpos e reativados. Para finalizar, visualize uma luz branca envolvendo todo o gradeamento e peça ao cristal central para reativar a intenção original daquela composição. Esse procedimento pode ser feito de seis em seis meses ou quando sentir necessidade.

Grade de cristal e foto: Bianca Amadeu
Grade de cristal e foto: Bianca Amadeu

Quais pedras usar para montar sua Grade de Cristal

Bianca explica que todo tipo de cristal e pedra pode ser usado numa grade de cristal, até mesmo flores, ervas, folhas e pau de canela podem ajudar a formar a composição. Os cristais que você já tem em casa, por exemplo, podem funcionar mais do que você imagina. A seguir, algumas opções de pedras para você se guiar e se inspirar:

Amor

Quartzo Rosa, Rodocrosita, Morganita, Turmalina Rosa, Bornita, Calcita Mangano, Kunzita, Opala Rosa, Rodonita, Rubi e Canga Rosa.

Prosperidade

Pirita, Citrino, Topázio Imperial, Calcopirita, Olho de Tigre, Cornalina, Âmbar, Pedra do Sol, Quartzo Fumê, Quartzo Transparente e Madeira Petrificada.

Cura

Quartzo Verde, Ágata Musgo, Malaquita, Cianita verde, Calcita Verde, Crisoprásio, Turmalina Verde e Melancia, Esmeralda , Agente de Cura Ouro e Madeira Petrificada.

Proteção

Turmalina Negra, Cianita Negra, Obsidiana, Olho de Tigre, Olho de Gato, Olho de Falcão. Onix, Hematita, Nuumita, Quartzo Turmalinado e Cianita Azul.

Limpeza
e Transmutação de Energias

Ametista, Sugilita, Citrino, Quartzo Rutilado, Quartzo Turmalinado, Selenita e Quartzo Fumê.

Grade de cristal e foto: Bianca Amadeu
Grade de cristal e foto: Bianca Amadeu

Crie uma grade com seus próprios cristais e pedras

Quem ama os cristais com certeza possui pedras em seus altares, estantes ou espalhadas pela casa. Reúna esses exemplares na mesa da sua sala e tente desenhar com elas. É um exercício incrível para quem nunca criou uma grade. Experimente!

1. Vá se conectando e sentindo onde os cristais desejam estar, posicionando-os e dando forma ao que está criando.

2. Se tem uma questão em mente que deseja trabalhar, peça a ajuda dos cristais enquanto cria seu primeiro esboço. Se não veio nenhuma questão específica, apenas se entregue a esse exercício e deixe a própria grade falar com você.

3. Peça à grade para lhe guiar neste exercício e lhe mostrar como você pode criá-la para que ela atue de forma intensa e efetiva.

4. É impressionante constatar que, depois de alguns minutos, uma figura já começa a se mostrar.

5. Atente-se aos sinais do seu corpo. Como se sente? Há algum alívio ou desconforto?

6. Troque cristais de lugar, caso sinta necessidade. Conecte uma pedra com a outra. Tudo vale nesse momento. O importante é você se entregar ao processo sem racionalizar. Assim, no fim deste exercício, terá criado sua primeira grade de cristal. ▲

Inspiração

O que o YAM tem pra te dizer hoje?

Um oráculo. A seção Inspiracão propõe um jeito lúdico de revelar conhecimentos que estão presentes no nosso conteúdo. Foram selecionados pela nossa equipe e você vai descobrir aquele que tem a ver com você.

Surpreenda-se